Estação Piedade: a biografia de Fernando MolicaEstante: livros públicados pelo MolicaPáginas Amarelas: textos, artigos e outras palavras maisJulio Reis: Biografia, Músicas e PartiturasBlog: Pontos de PartidaFoto MolicaClique para voltar a página principalFoto Molicawww.fernandomolica.com.brEntre em contato com o Fernando MolicaInformações para imprensa

Blog

Pontos de Partida, o Blog do Fernando Molica

separador
BG

O nosso Chico

separador Por Fernando Molica em 04 de julho de 2009 | Link | Comentários (0)

Como era previsto, Chico Buarque foi recebido como Chico Buarque na Flip. Gritos, correria, tietagem explícita. Chegou a Paraty pouco antes de sua apresentação para evitar o excesso de festa. No fim da sessão, teve que ser cercado de seguranças para chegar ao local dos autógrafos.

Mais do que admiração pelo artista, compositor de canções espetaculares e autor de, pelo menos, um ótimo livro ("Budapeste"), mais do que atração pelo galã sessentão, arrisco dizer que havia, na overdose de carinho, uma manifestação por um sujeito que representa o que temos de melhor. Num Brasil tão castigado de escândalos e sacanagens, Chico é um referencial de qualidade, de competência, de genialidade e de caráter. Sempre deixou explícitas suas posições, sempre procurou manter reservas sobre sua vida pessoal - a tal da evasão de privacidade não consta de seu repertório.

Ontem, ao concluir sua fala, deu mais um exemplo de que não abre mão de sua história, de seus compromissos. Se deu ao trabalho de manifestar apoio a uma manifestação de caiçaras - moradores da região - que protestavam contra a construção de um condomínio em Paraty. Um condomínio que expulsou trabalhadores de suas terras, que privatizou praias. Pouco antes, uma pequena passeata percorrera o centro de Paraty, ninguém deu muita bola pra ela, que até atrapalhou quem, na Tenda do Telão, acompanhava uma sessão. Pois: o Chico deu bola pros caras, levou a causa para sua apresentação. Sabe que o Brasil moderno que gera eventos como a Flip é o mesmo Brasil que ainda convive com tantas situações injustas e arcaicas. Sabe que problemas não podem ser esquecidos. E é também por isso que gostamos tanto dele.


Deixe seu Comentário











Type the characters you see in the picture above.

BG
© Todos os direitos reservados. Todos os textos por Fernando Molica, exceto quando indicado. Antes de usar algum texto, consulte o autor. créditos do site    Clique para ver os créditos do site