Estação Piedade: a biografia de Fernando MolicaEstante: livros públicados pelo MolicaPáginas Amarelas: textos, artigos e outras palavras maisJulio Reis: Biografia, Músicas e PartiturasBlog: Pontos de PartidaFoto MolicaClique para voltar a página principalFoto Molicawww.fernandomolica.com.brEntre em contato com o Fernando MolicaInformações para imprensa

Blog

Pontos de Partida, o Blog do Fernando Molica

separador
BG

Dedadas em vão

separador Por Fernando Molica em 16 de novembro de 2008 | Link | Comentários (1)

Parece até brincadeira: acabo de ler nos jornais que o Inca, Instituto Nacional de Câncer, desaconselha a realização, de forma rotineira, do exame de toque retal. O tal exame, diz um comunicado oficial, só deve ser feito por recomendação médica, a partir de determinados sintomas.

Bem, a primeira reação é de alívio: aos 47 anos, nunca me submeti ao dito cujo: muita gente dizia que, a partir dos 45, a dedada teria que ser obrigatória, seria uma irresponsabilidade adiá-la. Mas fui adiando, ainda que temendo a aproximação do meu cinqüentenário. Aos 50, não teria saída: pelo menos é o que diziam todas aquelas campanhas feitas por sociedades médicas.

Eu escapei, mas... Quantos amigos meus já não se submeteram ao exame? Quantas intimidades não foram devassadas, quantas dedadas em vão, quantos chistes desperdiçados! Quantas considerações inúteis foram feitas, em meio a risadas amarelas, em mesas de bar, sobre a dimensões dos dedos de médicos? Imagine o número de piadas que são agora descartadas! Numa das mais famosas, o médico introduz o dedo e pergunta ao paciente:

- Bah, o que sentes, tchê?
- Sinto que te amo - responde o sujeito.

Enfim, escapei. Mas fico imaginando a cara de alguns amigos ao se depararem com a notícia. Imagine o sujeito que levou uma inútil dedada na sexta passada, na hora em que o Inca divulgava o tal comunicado? Sei não, eu partia pra briga, processo, porrada, o cacete (ôps!) a quatro. Assim esses irresponsáveis que tanto propagandearam o exame iam aprender a não se meterem (ôps! ôps!) onde não foram chamados.



1 Comentários Enviados

Oi, Fernando, tudo bem? Espero não acabar com sua alegria. Mas os sintomas do câncer de próstata só aparecem quando a doença está em estágio avançado, quando as chances de cura caem consideravelmente. Os sintomas citados no release do INCA são da Hiperplasia Benigna da Próstata e não do câncer de próstata. Inclusive a Sociedade Brasileira de Urologia está enviando uma nota à imprensa informando o descabimento do texto sugerido como pauta pelo INCA. O exame de toque e o PSA continuam sendo fundamental na detecção da doença, pois hoje não há como verificar se o câncer vai progredir ou não, como salienta o INCA. Gostaria até se possível, lhe enviar a nota completa da SBU. Um abraço, Aline Thomaz - Assessora de Imprensa da SBU

separador

Deixe seu Comentário











Type the characters you see in the picture above.

BG
© Todos os direitos reservados. Todos os textos por Fernando Molica, exceto quando indicado. Antes de usar algum texto, consulte o autor. créditos do site    Clique para ver os créditos do site